"As minhas misérias."


"Conhecer a nossa própria miséria não é tão desanimador. Conhecemo-la sob o olhar misericordioso de Deus, temos a longa experiência do nosso nada. Toda nossa esperança está em Deus; em tudo é bom depender d'Ele só. Conhecemos a nossa miséria, e não podemos dar, a nós mesmos, pretexto à desilusão.

Mas ao amadurecer, o coração aprende a ver a miséria dos homens com a mesma benevolência com que vê a sua; chega a saber que eles são como nós, sob o olhar paterno e compassivo de Deus."

- Diário de Raíssa Maritain
"As minhas misérias." "As minhas misérias." Reviewed by Francisco Nascimento on 17:17 Rating: 5

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.