É URGENTE «RENATALIZAR» O NATAL


É preciso «renatalizar» o Natal; é urgente parar de «desnatalizar» o Natal. O tempo avança e tanto frenesim até já cansa. Nesta hora, quem não está cansado das intragáveis promoções de Natal? Das formatadas prendas de Natal? Das ruidosas festas de Natal? Das intermináveis ceias de Natal? E da sufocante máscara do Pai Natal?

Tão solicitados somos nesta altura. E todos os «rituais» somos obrigados a cumprir para não fazer má figura. Sentimos falta de mais calma na nossa alma. Conseguiremos saborear o Natal no meio de tantos simulacros de Natal? Uns dizem que o Natal está a chegar por haver música no ar. Outros garantem o Natal com falinhas mansas promovendo toneladas de brinquedos para as crianças.

O Natal poderá passar por tudo isto se não for desligado de Cristo. Mas o Natal não estará presente em nada disto se nos mantivermos longe de Jesus Cristo. Às vezes, parece que nos contentamos com um «peri-Natal». Andamos à volta do Natal, mas não chegamos a entrar no Natal. Já nem no Natal não haverá lugar para o Natal? Se não há lugar para Jesus, poderemos falar de Natal?

Nunca é demais insistir. O Natal existe para celebrar o nascimento de Jesus. O Natal nasceu com esta finalidade. Há, pois, que «renatalizar» o Natal, recentrando-o em Jesus.

Frei Francisco Bezerra do Nascimento, OFMConv.

É URGENTE «RENATALIZAR» O NATAL É URGENTE «RENATALIZAR» O NATAL Reviewed by Francisco Nascimento on 05:52 Rating: 5

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.