A PERGUNTA SOBRE O PRIMEIRO MANDAMENTO


No meio de tantas leis, como discernir qual é a lei mais importante, a mais necessária e a mais urgente? Afinal, no meio de tantas leis, qual será a primeira lei? Foi essa a pergunta que fizeram a Jesus: «Qual é o primeiro de todos os mandamentos?» (Mc 12, 28).

Aparentemente, a resposta até seria fácil. À partida, não seria muito difícil escolher um de entre dez.

Sucede que a Lei (Thora) compreendia não só os Dez Mandamentos, mas tudo quanto estava inserido nos cinco primeiros livros da Bíblia: Génesis, Êxodo, Levítico, Números e Deuteronômio.

Foi a partir deles que os doutores da Lei chegaram a contabilizar 613 preceitos: 365 negativos, que estipulavam o que não se podia fazer, e 248 positivos, que apontavam o que se devia realizar. Uma coisa é escolher o maior de entre dez e outra coisa — bem diferente e bem mais difícil — é selecionar o mais importante no meio de 613.

Frei Francisco Bezerra do Nascimento, OFMConv.

A PERGUNTA SOBRE O PRIMEIRO MANDAMENTO A PERGUNTA SOBRE O PRIMEIRO MANDAMENTO Reviewed by Francisco Nascimento on 01:38 Rating: 5

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.