O rei e Amã no banquete de Ester. Amã é enforcado

5,1 No terceiro dia, Ester revestiu-se com vestes de rainha e foi colocar-se no vestíbulo interno do palácio real, frente à residência do rei. O rei estava sentado no trono real, na sala do trono, frente à entrada. 2Ao ver a rainha Ester parada no vestíbulo, olhou para ela com agrado e estendeu-lhe o cetro de ouro que tinha na mão, e Ester aproximou-se para tocar a ponta do cetro. 
“Que desejas, rainha Ester?”, disse-lhe o rei. “Qual é o teu pedido? Ainda que fosse a metade do meu reino, eu te daria”. 4Ao que ela respondeu: “Se te parecer bem, que o rei venha hoje, com Amã, ao banquete que lhe preparei”. 5E o rei disse: “Que se avise imediatamente Amã, que ele faça o que Ester deseja”. 
7,1 O rei e Amã foram ao banquete da rainha Ester. 2No segundo dia, o rei, ao calor do vinho, disse-lhe de novo: “O que me pedes, Ester; o que queres que eu faça? Ainda que me pedisses a metade do meu reino, ela te seria concedida”. 3Ester respondeu-lhe: “Se ganhei as tuas boas graças, ó rei, e se for de teu agrado, concede-me a vida – eis o meu pedido! – e a vida do meu povo – eis o meu desejo! 4Porque fomos entregues, eu e meu povo, ao extermínio, à matança e ao aniquilamento. Se somente tivéssemos sido entregues como escravos ou servos, eu me teria calado. Mas esta desgraça não compensa o prejuízo que dela resulta para o rei”. 5Assuero tomou a palavra e disse à rainha Ester: “Quem é e onde está o homem que pensa agir assim?” 6Disse Ester: “Nosso perseguidor e nosso inimigo é Amã, este miserável!” À vista do rei e da rainha, Amã ficou aterrorizado. 
Furioso, o rei levantou-se e deixou o banquete, indo para o jardim do palácio.Amã levantou-se também para suplicar à rainha Ester que lhe salvasse a vida, pois compreendera que o rei já tinha decidido a sua ruína. 8Quando o rei voltou à sala do banquete e encontrou Amã caído sobre o divã onde Ester se recostava, disse: “Como! Ele ainda quer fazer violência à rainha, na minha presença, na minha casa?” Mal acabara o rei de pronunciar esta palavra, cobriram o rosto de Amã. 9Harbona, um dos eunucos que estavam ao serviço do rei, disse: “Há na casa de Amã uma forca de vinte côvados, que ele fez preparar para Mardoqueu, que falou em defesa do rei”. E o rei exclamou: “Que o suspendam nela!” 10Amã foi, pois, enforcado na forca que ele tinha preparado para Mardoqueu. E aplacou-se a cólera do rei.


Do Livro de Ester                 5,1-5; 7,1-10
O rei e Amã no banquete de Ester. Amã é enforcado O rei e Amã no banquete de Ester. Amã é enforcado Reviewed by Francisco Nascimento on 15:06 Rating: 5

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.