Deus julga o seu povo

2,6 Rejeitaste teu povo, a casa de Jacó,
porque ela está cheia de adivinhos orientais,
serve-se de agoureiros, como os filisteus,
e estende a mão aos estrangeiros.
7 Encheu-se de ouro e prata esta terra,
seus tesouros não têm fim;
sua terra está cheia de cavalos,
inumeráveis os seus carros de guerra;
encheu-se também de ídolos:
adora-se a obra das mãos do homem,
obra que seus dedos fizeram.
Um homem rebaixou-se, outro está humilhado:
não lhes perdoes, Senhor.
10 Ó homem, entra numa caverna, esconde-te na poeira,
por medo do Senhor e do esplendor da sua glória.
11 A visão orgulhosa do homem será humilhada
e a soberba dos grandes, abatida;
naquele dia, somente o Senhor será exaltado.
12 Pois será o dia do Senhor dos exércitos,
contra soberbos e orgulhosos,
e contra todo arrogante,
que será humilhado;
13 contra os cedros do Líbano, altos e esbeltos,
e contra os carvalhos de Basã;
14 contra todas as montanhas altas
e contra as colinas e elevações;
15 contra toda torre sobranceira,
e contra toda fortificação;
16 contra os navios de Társis,
e contra as embarcações de luxo.
17 A soberba dos homens será abatida
e sua mania de grandeza, humilhada:
somente o Senhor, naquele dia, será exaltado,
18 e os ídolos serão feitos em pedaços.
19 Os homens se esconderão nas cavernas de pedra
e nos abismos terrestres,
por medo do Senhor e do esplendor de sua glória,
quando ele vier castigar a terra!
20 Naquele dia, o homem lançará às toupeiras e aos morcegos
os ídolos de ouro e prata
que tinha feito para adorar.
21 E se esconderá nas aberturas das rochas,
nas cavernas de pedra,
por medo do Senhor e do esplendor de sua glória,
quando ele vier castigar a terra.
22 Cessai de confiar no homem,
cuja vida se prende por um fôlego:
em quanto se pode estimá-lo?
4,2 Naquele dia, o povo do Senhor terá esplendor e glória,
e o fruto da terra será de grande alegria
para os sobreviventes de Israel.
Então, os que forem deixados em Sião,
os sobreviventes de Jerusalém, serão chamados santos,
a saber, todos os destinados à vida em Jerusalém.
Quando o Senhor tiver lavado
as imundícies das filhas de Sião,
e limpado as manchas de sangue dentro de Jerusalém,
com espírito de justiça e de purificação,
ele criará em todo o lugar do monte Sião
e em suas assembleias
uma nuvem durante o dia,
e fumaça e clarão de chamas durante a noite:
e será proteção para toda a sua glória,
6 uma tenda para dar sombra contra o calor do dia,
abrigo e refúgio contra a ventania e a chuva.


Do Livro do Profeta Isaías             2,6-22; 4,2-6

You Might Also Like

0 comentários

Mapa De Visitante