Os servos. Os falsos doutores

Caríssimo: 1Aqueles que estão debaixo do jugo da escravidão considerem os seus patrões dignos de todo respeito, para que o nome do Senhor e o seu ensinamento não sejam blasfemados. 2E os que têm patrões que acreditam, não os desrespeitem por serem irmãos; antes, os sirvam melhor, porque os que recebem o serviço são crentes e amigos. Ensina e recomenda estas coisas.
Quem ensina doutrinas estranhas e discorda das palavras salutares de nosso Senhor Jesus Cristo e da doutrina conforme à piedade, 4é um obcecado pelo orgulho, um ignorante que morbidamente se compraz em questões e discussões de palavras. Daí é que nascem invejas, contendas, insultos, suspeitas, 5porfias de homens com mente corompida e privados da verdade que fazem da piedade assunto de lucro. Sem dúvida, grande fonte de lucro é a piedade, mas quando acompanhada do espírito de desprendimento. 7Porque nada trouxemos ao mundo como tampouco nada poderemos levar. 8Tendo alimento e vestuário, fiquemos satisfeitos. 9Os que desejam enriquecer, caem em tentação e em armadilhas, em muitos desejos loucos e perniciosos que afundam os homens na perdição e na ruína,10porque a raiz de todos os males é a cobiça do dinheiro. Por se terem deixado levar por ela, muitos se extraviaram da fé e se atormentam a si mesmos com muitos sofrimentos.  

Da Primeira Carta de São Paulo a Timóteo                   6,1-10

You Might Also Like

0 comentários

Mapa De Visitante