ELE FICA EM NÓS QUANDO SAÍMOS DE NÓS

Por hábito, todos gostamos de levar e trazer. Mas, por norma, não gostamos de quem leva e traz. O povo diz que «quem leva e traz não faz a paz». Levar e trazer é o pantanoso terreno da intriga, da insinuação e de toda a maledicência.

Acontece que, se pensarmos bem, a missão consiste, antes de mais, em levar e trazer. Levar e trazer é o que faz a missão acontecer. O missionário é o que leva e traz: é o que leva Cristo e é o que traz para Cristo; é o que leva Cristo às pessoas e é o que traz as pessoas para Cristo.

Foi, aliás, o próprio Jesus que lançou as bases da missão. Antes de voltar para o Pai, ofereceu-nos uma certeza e deixou-nos uma ordem. A certeza é que Ele iria ficar (cf. Mt. 28, 20). E a ordem era que nós saíssemos(cf. Mt. 28, 19). Concretizando, Jesus fica quando nós saímos; Jesus fica em nós quando nós saímos de nós.

O Papa Francisco lembra que, «hoje, ainda há muita gente que não conhece Jesus Cristo». De facto, há muita gente que não conhece Jesus Cristo porque nunca ouviu falar d’Ele. E há muita gente que não conhece Jesus Cristo mesmo tendo ouvido falar d’Ele. É por isso que «a missão da Igreja é animada por uma espiritualidade de êxodo contínuo». Trata-se, como assinala o Santo Padre, de «sair da própria comodidade e de ter a coragem de alcançar todas as periferias que precisam da luz do Evangelho».




Frei Francisco Bezerra do Nascimento, OFMConv.

You Might Also Like

0 comentários

Mapa De Visitante