A SABEDORIA DEVE SER AMADA


1 Escutai, ó reis, e compreendei.
Instruí-vos, governadores dos confins da terra!
2 Prestai atenção, vós que dominais as multidões
e vos orgulhais do número de vossos súditos.
3 Pois o poder vos foi dado pelo Senhor
e a soberania, pelo Altíssimo.
É ele quem examinará as vossas obras
e sondará as vossas intenções;
4 apesar de estardes ao serviço do seu reino,
não julgastes com retidão, nem observastes a Lei,
nem procedestes conforme a vontade de Deus.
5 Por isso, ele cairá de repente sobre vós, de modo terrível,
porque um julgamento implacável
será feito sobre os poderosos.
6 O pequeno pode ser perdoado por misericórdia,
mas os poderosos serão examinados com poder.
7 O Senhor de todos não recuará diante de ninguém
nem se deixará impressionar pela grandeza,
porque o pequeno e o grande, foi ele quem os fez,
e a sua providência é a mesma para com todos;
8 mas para os poderosos, o julgamento será severo.
9 A vós, pois, governantes, dirigem-se as minhas palavras,
para que aprendais a Sabedoria e não venhais a tropeçar.
10 Os que observam fielmente as coisas santas
serão justificados;
e os que as aprenderem
vão encontrar sua defesa.
11 Portanto, desejai ardentemente minhas palavras,
amai-as e sereis instruídos.
12 A Sabedoria é resplandecente e sempre viçosa.
Ela é facilmente contemplada por aqueles que a amam,
e é encontrada por aqueles que a procuram.
13 Ela até se antecipa,
dando-se a conhecer aos que a desejam.
14 Quem por ela madruga não se cansará,
pois a encontrará sentada à sua porta.
15 Meditar sobre ela é a perfeição da prudência;
e quem ficar acordado por causa dela
em breve há de viver despreocupado.
16 Pois ela mesma sai à procura dos que a merecem,
cheia de bondade, aparece-lhes nas estradas
e vai ao seu encontro em todos os seus projetos.
17 O princípio mais genuíno da Sabedoria
é o desejo da instrução;
a preocupação pela instrução é amá-la,
18 e amá-la é observar suas leis,
e observar suas leis é garantia de imortalidade,
19 e a imortalidade faz estar junto de Deus;
20 assim, o desejo da Sabedoria conduz à realeza.
21 Chefes dos povos, se vos agradam tronos e cetros,
honrai a Sabedoria e reinareis para sempre.
22 Vou dizer-vos o que é a Sabedoria e qual a sua origem,
sem vos esconder os mistérios de Deus;
investigarei desde o início da sua criação,
farei conhecê-la claramente,
sem me afastar da verdade.
23 Não me deixarei acompanhar pela inveja que devora,
pois ela nada tem em comum com a Sabedoria.
24 Uma multidão de sábios é a salvação do mundo,
e um rei sábio, para o povo, é prosperidade.
25 Recebei, pois, a instrução por minhas palavras
e nelas encontrareis proveito.


Do Livro da Sabedoria             6,1-25

You Might Also Like

0 comentários

Mapa De Visitante