Jerusalém, esposa infiel de Deus

3 Assim fala o Senhor Deus a Jerusalém: “Por tua origem e nascimento és do país de Canaã. Teu pai era um amorreu e tua mãe uma hitita. 5Eles te deixaram exposta em campo aberto, porque desprezavam a tua vida. 6 Então, eu passei junto de ti e vi que te debatias no próprio sangue. E enquanto estavas em teu sangue, eu te disse: “Vive!” 7Eu te fiz crescer exuberante como planta silvestre. Tu cresceste e te desenvolveste, e chegaste à puberdade. 8Passando junto de ti, percebi que tinhas chegado à idade do amor. Estendi meu manto sobre ti para cobrir tua nudez. Fiz um juramento, estabelecendo uma aliança contigo – oráculo do Senhor – e tu foste minha. 9Banhei-te na água, limpei-te do sangue e ungi-te com perfume. 10Eu te revesti de roupas bordadas, calcei-te com sandálias de fino couro, cingi-te de linho e te cobri de seda. 11Eu te enfeitei de jóias, coloquei braceletes em teus braços e um colar no pescoço. 12Eu te pus um anel no nariz, brincos nas orelhas e uma coroa magnífica na cabeça. 13Estavasenfeitadade ouro e prata, tuas vestimentas eram de linho finíssimo, de seda e de bordados. Eu te nutria com flor de farinha, mel e óleo. Ficaste cada vez mais bela e chegaste à realeza. 14Tua fama se espalhou entre as nações por causa de tua beleza perfeita, devido ao esplendor com que te cobri – oráculo do Senhor. 15 Mas puseste tua confiança na beleza e te prostituíste graças à tua fama. E sem pudor te oferecias a qualquer passante. 35 Por isso, prostituta, ouve a palavra do Senhor: 37vou reunir todos os teus amantes. 40Eles instigarão contra ti a multidão para te apedrejar e te esquartejar com suas espadas. 41Incendiarão tuas casas e aplicarão castigos contra ti à vista de numerosas mulheres. Farei cessar tua vida de prostituta e já não darás presentes. 42Saciarei contra ti o meu furor e meu ciúme se afastará de ti. Ficarei acalmado e já não me irritarei. 43Como não te recordaste dos dias de tua juventude e me provocaste com tudo isto, eu também te darei a paga que mereces – oráculo do Senhor Deus. Por acaso não acrescentaste esta infâmia a todas as tuas práticas detestáveis? 59 Assim diz o Senhor Deus: Agirei contigo segundo o teu proceder, tu que desprezaste o juramento, violando a aliança. 60Eu, porém, me lembrarei de minha aliança contigo, quando ainda eras jovem, e vou estabelecer contigo uma aliança eterna. 61Quando receberes tuas irmãs mais velhas e mais novas do que tu, então te lembrarás de tua conduta e ficarás envergonhada. Eu as entregarei a ti como filhas, embora não em virtude de tua aliança. 62Eu mesmo firmarei contigo a minha aliança, e saberás que eu sou o Senhor. 63É para que te recordes e te envergonhes, e na tua confusão não abras mais a boca, quando eu te houver perdoado tudo o que fizeste” – oráculo do Senhor Deus.


Do Livro do Profeta Ezequiel 16,3.5b-7a.8-15.35.37a.
40-43.59-63

You Might Also Like

0 comentários

Mapa De Visitante