MAIS PERTO, MAIS PRÓXIMOS?

A globalização aproximou lugares, mas não encurtou distâncias. O poeta Jaak Bosmans, reconhecendo que a globalização encurtou «as distâncias métricas, aumentou muito as distâncias afetivas». É um facto que estamos mais perto. Mas será que estamos mais próximos?


Frei Francisco Bezerra do Nascimento, OFMConv.

You Might Also Like

0 comentários

Mapa De Visitante