DUAS MANEIRAS DE ESPALHAR A LUZ

Apesar do calor, os tempos permanecem sombrios. O sol aquece a terra, mas só Deus ilumina os nossos corações. Sejamos o espelho da luz que Deus acende. Edith Warton achava que «há duas maneiras de espalhar a luz: ser a vela ou o espelho que reflete». Nós não somos a vela. Mas podemos (e devemos) ser o espelho que a reflete. Sejamos limpos para que a luz nunca se ofusque. Mas ainda que alguma poeirasobrevenha, não há nada que esta luz detenha. Deixemo-nos iluminar pela divina luz!



Frei Francisco Bezerra do Nascimento, OFMConv.

You Might Also Like

0 comentários

Mapa De Visitante