ACOMPANHAR JESUS DE CASA ÀS COSTAS

Há tempos ao meditar na Transfiguração do Senhor de que nos fala o Evangelho de hoje (Lc 9, 28b-36) quando Pedro se oferece para erguer três tendas, uma para Jesus Cristo, outra para Elias e outra para Moisés, vi confirmada a extraordinária entrega de si próprios por parte dos Apóstolos.

Se tomarmos os Santos Evangelhos «… o Filho do Homem não tem onde reclinar a cabeça» (Mt 8, 20) e os raros episódios em que nos é narrado que o Senhor ficou em casa de alguém, Marta, Maria e Lázaro ou Zaqueu permito-me concluir, ainda que o Senhor quando enviou os Apóstolos lhes tenha dito para aceitarem a hospedagem em casa daqueles que os recebessem, que trariam consigo o necessário para montar uma tenda sempre que precisassem, nomeadamente quando se refugiavam com Jesus na montanha.

Só nos é possível imaginar, quão boa era a companhia do Mestre, para que tudo tenham deixado e de tudo tenham abdicado, para assim o poderem seguir e com Ele tudo aprender.

Falo por mim, frequentemente comodista, e peço ao Senhor que me conceda a humildade e o espírito de entrega para abdicar, sem me lastimar, de tudo o que Ele entender que eu deva fazer, abrindo-me o coração à Sua vontade e não me deixando dominar pela fraqueza.

You Might Also Like

0 comentários

Mapa De Visitante