A NUVEM NÃO DEIXA VER, MAS NÃO IMPEDE DE ESCUTAR


Não é por acaso que a voz de Deus se faz ouvir através de uma nuvem (cf. Mt 17, 5). A nuvem é o que não deixa ver ou não deixa ver bem. A nuvem é, por isso, o que nos faz sentir que não sabemos tudo e que nem sequer sabemos o bastante.

Mas se a nuvem nos impede de ver, não nos impede de escutar. É da nuvem que o Pai fala. É na nuvem que devemos escutar o Pai que fala. Enfim, não devemos andar nas nuvens, mas devemos escutar o se diz na nuvem.

Seria bom que, concretamente neste tempo de férias, prestássemos mais atenção ao que ainda não sabemos sobre Deus. O nosso problema é pensar que já sabemos muito sobre Deus. Fazia-nos bem reconhecer que, como reparou o teólogo Karl Barth, «tudo aquilo que diga sobre Deus é um homem quem o diz». Isto significa que só sabe alguma coisa sobre Deus quem se dispõe a aprender, a escutar. Só quem está com Deus aprenderá a conhecer Deus.

Para nos ensinar, Deus oferece-nos o melhor mestre: o Seu próprio Filho. Se Deus dá o melhor por nós, como é que nós não havemos de dar o melhor a Deus?



Frei Francisco Bezerra do Nascimento, OFMConv.

You Might Also Like

0 comentários

Mapa De Visitante