OU FAZEMOS O QUE DEUS QUER OU SOFREREMOS O QUE NÓS NÃO QUEREMOS

Santo António Maria Claret costumava recordar o que Santo Agostinho dizia: “Aut facies quod Deus vult, aut patieris quod tu non vis — ou fazes o que Deus quer ou sofrerás o que tu não queres”». Nem sempre o que nós queremos é o melhor. Podemos não entender o que Deus quer de nós. Mas temos a obrigação de perceber que aquilo que Ele quer de nós é (sempre) o melhor para nós!



Frei Francisco Bezerra do Nascimento, OFMConv.

You Might Also Like

0 comentários

Mapa De Visitante