ADEQUAR O MUNDO A DEUS E NÃO DEUS AO MUNDO

A «terra pedregosa» é a imagem de uma vida feita de entusiasmos, mas sem perseverança. Não há raízes e, por isso, às primeiras investidas do sol, tudo seca. De facto, há quem não aguente as tribulações e as perseguições. Há quem se mostre inconstante adequando Deus ao mundo em vez de adequar o mundo a Deus.

Para o Padre António Vieira, cabem aqui «os corações duros e obstinados; nestes seca a Palavra de Deus e, se nasce, não cria raízes».

A terra «entre espinhos» é a imagem de uma vida agitada, sem noção das prioridades. Daí que os espinhos sufoquem as sementes. Já o Padre António Vieira se apercebeu «dos corações embaraçados com cuidados, com riquezas, com delícias; nestes, afoga-se a Palavra de Deus».

Na verdade, tantas vezes, a nossa agenda está tão preenchida com o urgente que não arranjamos tempo — nem disponibilidade — para o verdadeiramente importante. Jesus alude, concretamente, aos «cuidados deste mundo» e à «sedução da riqueza». É isto que nos agita e é isto que também nos paralisa. Dizemos que Deus é primeiro, mas será que Deus é mesmo prioritário?



Frei Francisco Bezerra do Nascimento, OFMConv.

You Might Also Like

0 comentários

Mapa De Visitante