REFLEXÃO QUARESMAIS

Quaresma – 34ª Reflexão

Hoje, Senhor, levas-me a refletir sobre a Fé. Levas-me a passear, enquanto vais conversando comigo: A Fé, meu filho, é dom da minha graça à tua vida. Mas também depende de ti, da tua vontade, do teu querer, porque a Fé vai para além do acreditares em Mim, simplesmente. A Fé, para ser dom na tua vida, tem que ser uma adesão total a Deus, adesão essa que não pode ser estática, mas sim vivida diariamente numa relação cada vez mais pessoal, mais intima, mais forte.

Mas não é, também, algo isolado apenas entre Mim e ti, mas transvasa dessa relação pessoal e intima, para uma comunhão com os teus irmãos na Fé, pois só assim a Fé se torna vida e se completa. A Fé, meu filho, não é acreditares que Eu posso fazer “coisas”, sobretudo aquelas que me pedes e julgas necessárias à tua vida ou à vida dos outros.

A Fé, meu filho, é acreditares que Eu faço tudo o que é necessário para ti e para os outros, segundo a Minha vontade, ou seja, segundo o que Eu sei ser bom para ti e para os outros, mesmo que tu não percebas.

A Fé, confirma no coração dos homens o Meu amor por eles, levando-os à confiança e à esperança de que, estando sempre convosco e vós comigo, vos conduzo à salvação, à vida eterna, à plenitude do Amor de Deus.

O meu coração abre-se decididamente e peço-Te: Eu creio, Senhor, mas aumenta a minha fé! Faz com que acredite para além de mim, ou seja, que acredite «porque não foi a carne nem o sangue que mo revelou, mas o Pai que está no Céu.»

Frei Francisco Bezerra do Nascimento, OFMConv.

You Might Also Like

0 comentários

Mapa De Visitante