PRECEITOS REFERENTES AO PRÓXIMO

1O Senhor falou a Moisés, dizendo: 2“Fala a toda a comunidade dos filhos de Israel, e dize-lhes: Sede santos, porque eu, o Senhor vosso Deus, sou santo.
3Respeite cada um de vós seu pai e sua mãe. Guardai os meus sábados. Eu sou o Senhor vosso Deus.
4Não vos volteis para ídolos nem façais para vós deuses de metal fundido. Eu sou o Senhor vosso Deus.
5Quando oferecerdes ao Senhor um sacrifício pacífico, oferecei-o de modo a ser aceito. 6A vítima deverá ser comida no mesmo dia em que for imolada e no dia seguinte; mas tudo o que sobrar para o terceiro dia será queimado no fogo. 7Se alguém comer da vítima passados dois dias, será profano e réu de impiedade. 8Quem transgredir será culpado por ter profanado o que se consagrou ao Senhor, e será eliminado do meio do povo.
9Quando fizeres a colheita no teu país, não deverás ceifar até o último limite do teu campo, nem apanhar as espigas que restam. 10Nem tampouco colherão os últimos cachos da tua vinha, nem ajuntarás as uvas caídas, mas deixarás isso para os pobres e os estrangeiros. Eu sou o Senhor vosso Deus.
11Não furteis, não digais mentiras, nem vos enganeis uns aos outros.
12Não jureis falso por meu nome, profanando o nome do Senhor teu Deus. Eu sou o Senhor.
13Não explores o teu próximo nem pratiques extorsão contra ele. Não retenhas contigo a diária do assalariado até o dia seguinte.
14Não amaldiçoes o surdo, nem ponhas tropeço diante do cego, mas temerás o teu Deus. Eu sou o Senhor.
15Não cometas injustiças no exercício da justiça; não favoreças o pobre nem prestigies o poderoso. Julga teu próximo conforme a justiça. 16Não sejas um maldizente entre o teu povo. Não conspires, caluniando-o, contra a vida do teu próximo. Eu sou o Senhor.
17Não tenhas no coração ódio contra teu irmão. Repreende o teu próximo, para não te tornares culpado de pecado por causa dele. 18Não procures vingança, nem guardes rancor aos teus compatriotas. Amarás o teu próximo como a ti mesmo. Eu sou o Senhor.
31Não vos dirijais aos que evocam espíritos nem interrogueis os adivinhos, para que não vos torneis impuros por meio deles. Eu sou o Senhor vosso Deus.
32Levanta-te diante de uma cabeça branca, e honra a pessoa do ancião. Teme o teu Deus. Eu sou o Senhor.
33Se um estrangeiro vier morar convosco em vossa terra, não o maltrateis; 34mas esteja entre vós como um natural do país. Ama-o como a ti mesmo, porque também vós fostes estrangeiros na terra do Egito. Eu sou o Senhor vosso Deus.
35Não cometais injustiças nos julgamentos, nas medidas de comprimento, de peso ou de capacidade. 36Tende balanças justas,pesos justos e medidas para sólidos e líquidos justas. Eu sou o Senhor vosso Deus, que vos tirei do Egito.
37Guardai todos os meus preceitos e todas as minhas leis e cumpri-os. Eu sou o Senhor”.


Do Livro do Levítico             19,1-18.31-37

You Might Also Like

0 comentários

Mapa De Visitante