NASCIMENTO E FUGA DE MOISÉS

Naqueles dias, 1um homem da família de Levi casou-se com uma mulher da mesma tribo, 2e ela concebeu e deu à luz um filho. Ao ver que era um belo menino, manteve-o escondido durante três meses. 3Mas não podendo escondê-lo por mais tempo, tomou uma cesta de junco, calafetou-a com betume e piche, pôs dentro dela a criança e deixou-a entre os caniços na margem do rio Nilo.4 A irmã do menino ficou a certa distância para ver o que ia acontecer.
5A filha do Faraó desceu para se banhar no rio, enquanto suas companheiras passeavam pela margem. Vendo, então, a cesta no meio dos caniços, mandou uma das servas apanhá-la. 6Abrindo a cesta, viu a criança: era um menino, que chorava. Ela compadeceu-se dele e disse: "É um menino dos hebreus". 7A irmã do menino disse, então, à filha do Faraó: "Queres que te vá chamar uma mulher hebreia, que possa amamentar o menino?"8A filha do Faraó respondeu: "Vai". E a menina foi e chamou a mãe do menino.9A filha do Faraó disse à mulher: "Leva este menino, amamenta-o para mim, e eu te pagarei o teu salário". A mulher levou o menino e amamentou. 10Quando já estava crescido, ela levou-o à filha do Faraó, que o adotou como filho e lhe deu o nome de Moisés, porque, disse ela, "eu o tirei das águas".
11 Um dia, quando já era adulto, Moisés saiu para visitar seus irmãos hebreus; viu sua aflição e como um egípcio maltratava um deles. 12Olhou para os lados e, não vendo ninguém, matou o egípcio e escondeu-o na areia. 13No dia seguinte, saiu de novo e viu dois hebreus brigando, e disse ao agressor: 'Por que bates no teu companheiro?" 14E este replicou: "Quem te estabeleceu nosso chefe e nosso juiz? Acaso pretendes matar-me, como mataste o egípcio?" Moisés ficou com medo e disse consigo: "Com certeza, o fato se tornou conhecido".
15 O Faraó foi informado do que aconteceu, e procurava matar Moisés. Mas este, fugindo da sua vista, parou na terra de Madiã, e sentou-se junto a um poço. 16Ora, o sacerdote de Madiã tinha sete filhas. Estas vieram tirar água e encher os bebedouros para dar de beber ao rebanho de seu pai. 17Chegaram uns pastores e quiseram expulsá-las dali. Mas Moisés levantou-se em defesa delas e deu de beber ao seu rebanho. 18 Ao voltarem para junto de Raguel, seu pai, este perguntou-lhes: “Por que viestes mais cedo hoje?” 19Elas responderam: "Um egípcio livrou-nos dos pastores; além disso, ele mesmo tirou água para nós e deu de beber ao rebanho". 20Raguel, então, perguntou as filhas: "E onde está ele? Por que o deixastes ir embora? Ide chamá-lo, para que coma alguma coisa". 21Moisés consentiu em ficar com ele, e este homem deu-lhe sua filha Séfora como esposa. 22Ela teve um filho, a quem Moisés chamou Gersam, pois disse: "Sou um estrangeiro em terra estranha".

Do Livro do Êxodo             2, 1-22

You Might Also Like

0 comentários

Mapa De Visitante