«Vós sois o sal da terra. [...] Vós sois a luz do mundo.»

São Josemaría Escrivá de Balaguer (1902-1975), presbítero, fundador
Homilia 04/05/1957 in «Cristo que passa» § 147


Encher de luz o mundo, ser sol e luz – assim definiu o Senhor a missão dos seus discípulos. Levar até aos confins da Terra a boa nova do amor de Deus – a isso devem dedicar a vida, de um modo ou de outro, todos os cristãos. Direi mais: temos de sentir o desejo de não estar sós; temos de animar outros a contribuírem para essa missão divina de levar a alegria e a paz ao coração dos homens. «À medida que progredis, atraí a vós os outros», escreve S. Gregório Magno. «Desejai ter companheiros no caminho para o Senhor.»

Mas lembrai-vos de que, «enquanto os homens dormiam», veio o semeador do joio, diz o Senhor numa parábola (Mt 13,25). Nós, os homens, estamos expostos a deixar-nos levar pelo sono do egoísmo, da superficialidade, desperdiçando o coração em mil experiências passageiras, evitando aprofundar o verdadeiro sentido das realidades terrenas. Triste coisa é esse sono, que sufoca a dignidade do homem e o torna escravo da tristeza! […]

É necessário, portanto, despertar os que tenham caído nesse mau sono, recordar-lhes que a vida não é um divertimento, mas um tesouro divino que há que fazer frutificar. É necessário também ensinar o caminho aos que têm boa vontade e bons desejos mas não sabem como pô-los em prática. Cristo urge-nos (2Cor 5,14). Cada um de vós há-de ser, não só apóstolo, mas apóstolo de apóstolos, arrastando outros convosco, movendo os demais para que também eles dêem a conhecer Jesus Cristo.

You Might Also Like

0 comentários

Mapa De Visitante